Compartilhamentos

MANOEL DO VALE

Essa é mais uma daquelas histórias em que a pessoa resolve mudar de vida na cara e na coragem. E consegue.

Depois de 25 anos servindo mesas de bar, Joanildo Santana resolveu largar de mão a vida de garçom e montar seu próprio negócio.

Aproveitando que ele é mundialmente conhecido entre boêmios e artistas da cidade por sua simpatia e fino trato no atendimento, Joanildo alugou um dos quiosques da Beira Rio e abriu seu próprio bar: o Bar do Nego. Se você frequentou o Norte das Águas, outro bar famoso da orla da cidade, já sabe de quem estamos falando.

Artistas amigos do Nego disputaram o palco nas comemorações. Fotos Manoel do Vale

Artistas amigos do Nego disputaram o palco nas comemorações. Fotos Manoel do Vale

Aluno do projeto Orla, que o Sebrae, em parceria com o Senac, desenvolveu para os profissionais de bares e restaurantes em 2004, Nego usou como motivação para encarar a nova empreitada a experiência das duas décadas e meia em que esteve dedicado a oferecer um serviço de excelência.

“Eu fiquei uma semana dentro de um restaurante próprio do Senac. Foi aonde eu realmente aprendi os pequenos detalhes da profissão de garçom. A minha vontade de ter meu próprio negócio veio daí”, declarou o hoje empreendedor. Muito simpático, ele dividiu sua atenção entre a entrevista e o atendimento às dezenas de pessoas que foram à orla brindar ao primeiro ano de um bar que tem na criatividade, variedade de opções, tanto musicais quanto de petiscos e tira-gosto e, fundamentalmente, a simpatia como estratégia de fidelização do cliente.

A orla é convite e o Bar do Nego é o destino

A orla é convite e o Bar do Nego é o destino

Um ano depois de abrir as portas e o palco para os parceiros, Nego hoje emprega 15 pessoas, que se dividem no preparo dos pratos, no atendimento, controle e higienização dos banheiros.

“Quando era empregado eu já tinha essa vontade de ter um bar padrão, que atendesse as expectativas do cliente mais exigente”, comentou.

Ele mirou no alvo, se dedicou e hoje é um sucesso

Ele mirou no alvo, se dedicou e hoje é um sucesso

Hoje, na Beira Rio, o Bar do Nego é o mais badalado com uma programação musical que vai do alternativo, na Quarta-Negra, ao Vinil, aos sábados. Na quinta e sexta rola Reggae e Bossa Nova. E diversos outros ritmos com os músicos e poetas que aparecem por ali para dar uma canja. Todos parceiros entusiastas do bar.

E, de artistas parceiros, o Bar do Nego está muito bem servido. E são tantos que foi preciso quatro dias de festa para que todos pudessem dar os merecidos parabéns ao projeto que no último dia 20, domingo, completou seu primeiro ano.

Compartilhamentos