Compartilhamentos

Entre os dias 15 á 17 deste mês, o espaço interno e externo da Fortaleza de São José de Macapá será ocupado pelos contadores de histórias da cidade de Macapá em Memórias da Amazônia. Os dias serão dedicados para a prática de contação de histórias e aprendizado entre os profissionais.

“O contador de história usa do encantamento para ministrar a palavra e alcançar as pessoas no universo do imaginário, acessando o lúdico e deixando os benefícios das histórias aos alcançadas”, destaca Joca Monteiro, um dos principais contadores de histórias do Estado.

Um dos objetivos é alcançar as pessoas no universo do imaginário. Foto: Cássia Lima

Um dos objetivos é alcançar as pessoas no universo do imaginário. Foto: Cássia Lima

A atividade na Fortaleza já é recorrente, mas desta vez terá uma finalidade diferente. Será dedicada para os profissionais aperfeiçoarem técnicas, socializar conhecimentos e discutir o papel do contador de histórias enquanto agente transformador da sociedade.

Um dos principais debates é luta nacional pela profissão do Contador de Histórias, prevista no projeto de Lei nº 4005/2012 que prevê a Semana Nacional dos Contadores de História como data fundamental no calendário anual da educação básica no Brasil e com ela uma série de benefícios aos contadores brasileiros.

“Os contos de donzelas serão contados na capela, no calabouço as histórias do bom moço, no revelim basta olhar e ouvir as histórias das muralhas dali, e as histórias de arrepiar e apertar o coração serão contadas na casa mata, na prisão”, destaca o contador.

O encontro é aberto à sociedade e já tem presença confirmada de professores, artistas e acadêmicos de várias áreas. (Foto de capa: Paulo Rocha)

 Programação:

 Dia 15:

– 14h:  Oficina: Interpretação para arte de contar Histórias

– 17h: Cadastro de Contadores de Histórias locais

 Dia 16

– 14h: Oficina: A encantaria amazônica no contar histórias

– 17hOs avanços da luta Nacional pela profissão do Contador de histórias

 Dia 17

 – 17h Mostra de contadores de histórias para o público em geral

Compartilhamentos