Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

O presidente da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), Gustavo do Vale, garantiu que estão garantidos mais R$ 80 milhões para a continuação das obras do novo Aeroporto Internacional de Macapá Alberto Alcolumbre. A garantia da continuidade das obras foi dada pelo presidente da Infraero ao senador Randolfe Rodrigues (REDE-AP).

Na retomada das obras, no segundo semestre do ano passado, a Infraero liberou R$ 14 milhões. Mas com a crise agravada, o corte de investimentos e de custeio, havia o temor de uma nova paralisação das obras em 2016.

O senador conversou com o presidente da Infraero, Gustavo do Vale. Foto: Ascom

O senador conversou com o presidente da Infraero, Gustavo do Vale. Foto: Ascom

A obra parou em 2006 depois que o Tribunal de Contas da União (TCU) descobriu provas de superfaturamento na construção. Os responsáveis pela empreiteira na época chegaram a ser presos pela Polícia Federal.

 “Lamentavelmente essa obra foi interrompida por quase dez anos por causa da corrupção. A previsão é que em 2017, em meados de junho, as obras sejam concluídas. O aeroporto estará pronto para operações, inclusive com as pontes de embarque”, explicou o parlamentar.

Randolfe afirmou que vai manter as incursões pelo Ministério do Planejamento e Secretaria da Aviação Civil a exemplo de 2015.

O novo aeroporto terá terminais de embarque e desembarque com túneis, além de escadas rolantes, praça de alimentação, centro comercial e agências bancárias.

Compartilhamentos