Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

O Carnaval no Amapá ainda não acabou. Na manhã desta quarta-feira, 10, dezenas de foliões prestigiaram o tradicional bloco Formigueiro, que há mais de 20 anos faz a alegria dos amantes da folia. A maioria dos brincantes ainda é remanescente do bloco A Banda.

Este ano o bloco não percorreu as ruas do Centro da cidade, como acontece todos os anos. Os brincantes se concentraram no Largo dos Inocentes, atrás da igreja São José, onde também foi servido um caldo para renovar as forças dos foliões.

Eri Milhomem: vamos sair daqui para o Pavão. Fotos: André Silva

Eri Milhomem: vamos sair daqui para o Pavão. Fotos: André Silva

O coordenador da festa, Eri Milhomem, disse que a festa não pode parar e o caldo começou a ser distribuído às 7h e até às 10h cerca de três panelaços já haviam sido distribuídos.

“Vamos sair daqui para o Pavão aonde festejamos o fim de Carnaval todos os anos“, afirmou Milhomem.

Enquanto isso, no Barracão do Pavão:

A festa que acontece há 22 anos no Barracão do Pavão, no Bairro Jesus de Nazaré, área central de Macapá, já faz parte do calendário dos brincantes do Carnaval. Eles vêm de vários bairros da cidade.

O barracão que sofreu com um incêndio recentemente, mas mesmo assim os organizadores do bloco do Pavão vão sair às ruas para manter a tradição.

No Pavão, o caldo espera os foliões

No Pavão, o caldo espera os foliões

Além do Caldo que será servido, a família Ramos, anfitriã da festa, garante que ninguém vai ficar sem experimentar outros deliciosos pratos preparados pelas mãos da dona Ana Ramos e seus ajudantes, todos da mesma família.

Mônica Ramos garante que o caldo é bem fácil de preparar, mas não quis revelar a quantidade exata dos ingredientes.

Mônica Ramos: mantendo a tradição

Mônica Ramos: mantendo a tradição

“Carne com osso ou sem, batata, cenoura, cebola, pimentão, alho, cheiro verde, repolho… tudo que se leva em um caldo normal, mas o ingrediente secreto é o amor a essa tradição”, disse Monica.

O bloco do Pavão sai às ruas do bairro Jesus de Nazaré a partir das 16h.

Compartilhamentos