Compartilhamentos

SELES NAFES

A deputada Luciana Gurgel (PHS) teve deferido pela mesa diretora da Assembleia Legislativa do Amapá (Alap) seu retorno ao mandado já a partir da próxima terça-feira, 16. Na prática é uma antecipação do retorno.

Luciana Gurgel, que é esposa do deputado federal Vinícius Gurgel (PR), estava afastada desde novembro por conta da gravidez complicada. O parto ocorreu sem problemas no dia 22 de dezembro, e por lei a licença poderia terminar na segunda quinze de abril.

Luciana Gurgel antes da licença. Foto: Jaciguara Cruz

Luciana Gurgel antes da licença. Foto: Jaciguara Cruz

Contudo, segundo a deputada, teria sido o próprio Márcio Serrão (PRB), do município de Laranjal do Jari, quem teria sugerido o retorno precoce. Ele renunciou ao mandato na última quinta-feira, 11, depois de uma conversa com Luciana Gurgel. 

“Ele cumpriu bem o mandato e entendeu que já estou em condições de retornar, por isso propôs o nosso retorno”, comentou a deputada que é presidente da Comissão de Relações Exteriores da Alap. Luciana Gurgel engrossa a bancada que apoia o afastamento de Moisés Souza (PSC) da presidência da Assembleia.

No ano passado, além de articulações para a liberação de recursos para a segurança pública, Luciana organizou uma audiência pública que discutiu a paralisação da construção do shopping popular. Ele adiantou que este ano vai se engajar na mobilização contra o mosquito aedes aegypti.

Compartilhamentos