Compartilhamentos

CÁSSIA LIMA

A Praça Floriano Peixoto, um dos mais belos lugares de Macapá, este ano não será o palco do aniversário da cidade. O espaço está passando por obras de revitalização com o objetivo de se tornar novamente um dos locais  mais visitados. O grande diferencial da praça, após as obras, será a iluminação de LED e o retorno dos pedalinhos. Pela primeira vez em cinco anos não haverá a tradicional pescaria nos lagos.

As obras de revitalização da Floriano Peixoto estão sendo executadas pela Secretaria Municipal de Obras (Semob). O objetivo é recuperar o passeio público, revitalizar os brinquedos, trazer de volta os pedalinhos, fazer plantio de grama, garantir uma iluminação especial, podagem das árvores, drenagem do lago e reformar as pistas de skate e patinação.

De acordo com o planejamento, as pedalinhos estarão de volta no lago. Fotos: Cássia Lima

De acordo com o planejamento, as pedalinhos estarão de volta no lago. Fotos: Cássia Lima

“O desenho da praça é o mesmo, mas vamos recuperar o passeio público e garantir acessibilidade para os deficientes. A revitalização abrange desde a volta dos pedalinhos até a recuperação da pista de skate”, destacou o titular da Semob, Emílio Escobar.

A Praça Floriano Peixoto nasceu de uma área pantanosa onde existia um olho d´água. Na época, o local era conhecido como “Praça do Sapo”. O nome atual foi uma homenagem a Floriano Vieira Peixoto, militar, político brasileiro, primeiro vice-presidente e segundo presidente do Brasil.

Emílio Escobar: a revitalização será completa, mas depois haverá novas adaptações

Emílio Escobar: a revitalização será completa, mas depois haverá novas adaptações

A revitalização iniciou em dezembro e tem previsão de conclusão em maio. As obras estão garantidas por uma emenda parlamentar de R$ 422 mil, do senador Randolfe Rodrigues. A perspectiva da Semob é que no próximo ano a praça passe por novas adaptações.

Compartilhamentos