VÍDEO mostra briga entre amigos que terminou em morte

Segundo testemunhas, o que matou ajudava financeiramente o que morreu, mas neste domingo teria cobrado uma dívida
Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Uma discussão, supostamente por causa de uma dívida, terminou em assassinato no Bairro Jardim Equatorial no fim da tarde deste domingo, 13. A vítima tinha acabado de comprar um terçado e usou contra outro homem que estava armado. O crime foi filmado por duas câmeras de segurança do mini-box onde a discussão ocorreu.

O mini-box funciona no fim da Rua Leopoldo Machado, próximo do início da Rodovia JK. Segundo o que a Polícia Militar apurou no local, Alex Henrique da Silva Paixão, o “Dicola”, de 30 anos,  e Anderson da Silva Assunção, de 25 anos, eram amigos.

Peritos encontraram R$ 4,8 mil em dinheiro no bolso da vítima. Fotos: Olho de Boto

Peritos encontraram R$ 4,8 mil em dinheiro no bolso da vítima. Fotos: Olho de Boto

Terçado que aparece nas imagens

Terçado que aparece nas imagens

De acordo com a PM, Alex Henrique estava desempregado e sempre recebia ajuda financeira de Anderson Assunção. Neste domingo, Alex Paixão vendeu a casa onde morava por R$ 5 mil e bebia uma cerveja dentro do mercantil quando chegou o amigo supostamente cobrando dinheiro por volta das 17h.

Houve bate-boca entre os dois. Um vídeo mostra que os dois lutaram pelo terçado. Alex Paixão já tinha ferido o amigo na cabeça, mas esse detalhe não aparece nas imagens. Anderson Assunção saca a arma e atira. Alex desaba na hora. Ele morreu ainda no local. 

O acusado foi preso alguns metros depois gravemente ferido

O acusado foi preso alguns metros depois gravemente ferido

Mesmo gravemente ferido, Anderson Assunção fugiu correndo, mas foi preso próximo da residência onde morava a poucos metros do mercantil.

Os policiais chamaram uma ambulância do Samu que o levou até o Hospital de Emergência. O ferimento na cabeça foi grave e ele continua internado.

Peritos da Polícia Técnica que estiveram no local encontraram dinheiro no bolso de Alex Paixão. Eram R$ 4,8 mil. 

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.