Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Um homem foi executado com um tiro na cabeça no Distrito do Igarapé da Fortaleza, no município de Santana. A Polícia Militar acredita em acerto de contas.

O crime ocorreu por volta das 5h30min da manhã deste domingo, 24, próximo da arena esportiva do distrito. A vítima foi identificada como Jedielson Nascimento Marinho, de 17 anos.

Uma equipe da Companhia Especializada em Radiopatrulhamento Motorizado (CERPM) do 4º BPM de Santana se deslocava até a comunidade para atender a ocorrência de homicídio. Já no Igarapé da Fortaleza, os policiais se depararam com um homem trafegando em uma moto.

Polícia Tecnica remove corpo da vítima

Polícia Tecnica remove corpo da vítima

Quando o suspeito viu a viatura abandonou a motocicleta e tentou fugir invadindo quintais e pulando muros. Depois de alguns minutos os policiais conseguiram cercá-lo e capturá-lo.

Questionado sobre o motivo da fuga, Josiclei Nunes dos Santos, de 38 anos, disse que estava fugindo com ‘medo de morrer’.

Ele confessou ter transportado o assassino até o local do crime, mas disse que não sabia o que ia acontecer. Josiclei não soube dizer o nome correto do homicida, mas informou que ele é conhecido como ‘Boizinho’.

Josiclei Santos disse que fugiu com 'medo de morrer'. Fotos: Olho de Boto

Josiclei Santos disse que fugiu com ‘medo de morrer’. Fotos: Olho de Boto

“Ele disse que estava bebendo com o Boizinho em um bar, mas, depois que a bebida acabou, eles decidiram ir pra outro local continuar bebendo. Quando chegaram ao estabelecimento Josiclei disse que entrou para beber e Bonzinho teria ficado do lado de fora. Foi nesse momento que Josiclei disse ter ouvido um disparo e viu a vítima no chão com um tiro na cabeça”, explicou o tenente Herinaldo, o 4º BPM.

Moradores informaram aos policiais que Boizinho seria parente de um rapaz supostamente assassinado por Jedielson.

“Se isso for verdade a gente acredita em possível acerto de contas”, comentou o oficial.

A Polícia Militar apresentou Josiclei Santos na Delegacia de Polícia onde foi autuado por favorecimento pessoal. Boizinho ainda não foi localizado. 

Compartilhamentos