Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

Duas carretas se envolveram em um acidente na Rodovia Duca Serra próximo da linha férrea do Distrito do Coração na tarde desta quarta-feira, 6. Um homem ficou preso na cabine do veículo e precisou ser resgatado pelo Corpo de Bombeiros.

O acidente ocorreu por volta das 16h. Segundo o Batalhão de Policiamento Rodoviário Estadual (BPRE), ainda não há explicações claras para o acidente. As duas carretas trafegavam no mesmo sentido, Macapá/Santana, quando o motorista de uma delas, Carlos Magno Rodrigues da Silva, de 39 anos, acertou em cheio a traseira da carreta da frente, conduzida por Wagner Jesus da Constante, de 49 anos.

Equipes tentam retirar o motorista

Equipes tentam retirar o motorista

Motorista foi retirado da cabine e levado ao HE. Fotos: André Silva

Motorista foi retirado da cabine e levado ao HE. Fotos: André Silva

Wagner conta que estava dirigindo em uma velocidade relativamente baixa quando sentiu o impacto vindo por trás.

“Eu vinha pela rodovia seguindo o fluxo. Como é uma via urbana você tem que  transitar conforme manda a lei. Acho que ele não percebeu que vinha muito rápido e por algum motivo, perdeu a atenção do trânsito e se chocou com muita força na traseira do meu caminhão”, especulou o motorista.

Choque traseiro danificou a cabine

Choque traseiro danificou a cabine

Motorista ficou preso nesse espaço

Motorista ficou preso nesse espaço, entre o banco e a coluna de direção

O impacto foi tão forte que a boleia do caminhão ficou muito danificada e as carretas só foram parar depois de aproximadamente 15 metros do local da batida, deixando um rastro de óleo pela pista.

O motorista que causou o acidente, ficou preso nas ferragens por 30 minutos até a chegada da  equipe do Corpo de Bombeiros Militar. Ele recebeu os primeiros socorros no local e foi levado para o Hospital de Emergência de Macapá (HE). O estado de saúde dele não foi divulgado. 

Choque espalhou óleo na pista

Choque espalhou óleo na pista

Wagner Constante, motorista da carreta atingida por trás não disse não saber o motivo da coisão

Wagner Constante, motorista da carreta atingida por trás não disse não saber o motivo da coisão

Compartilhamentos