Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Um detento do regime semiaberto do Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen) aproveitava a liberdade durante o dia para cometer crimes. Nesta terça-feira, 5, ele foi reconhecido em imagens do circuito de segurança de um mercantil no Bairro Novo Horizonte, Zona Norte de Macapá. Ele foi preso por uma equipe do Batalhão de Operações Especiais (Bope).

Os criminosos estavam em uma moto e entraram no mercantil usando os capacetes. Durante o assalto no caixa do estabelecimento, apenas um deles decidiu levantar o capacete de frente para a câmera de segurança.

Léo e o comparsa agiram tranquilamente e ainda assaltaram clientes. Foto: reprodução vídeo

Léo e o comparsa agiram tranquilamente e ainda assaltaram clientes. Foto: reprodução vídeo

O vídeo mostra que eles agiram com calma e ainda assaltaram um estudante que entrava no estabelecimento. 

Imediatamente os policiais reconheceram “Léo”, apelido de Leodresse Menezes dos Santos, de 25 anos. O comparsa seria um criminoso conhecido como “Boboia”.

Léo foi preso ao se apresentar no Iapen para dormir no fim do dia. Foto: Olho de Boto

Léo foi preso ao se apresentar no Iapen para dormir no fim do dia. Foto: Olho de Boto

Policiais da equipe de Rondas Ostensivas Táticas Motorizadas (Rotam), grupamento do Bope, souberam que Léo é detento do Iapenn em regime semiaberto e teria que se apresentar às 18h para dormir.

Nesta terça-feira os policiais foram ao Iapen para esperar que Léo chegasse para dormir. Ele foi preso em flagrante quando se apresentava aos agentes penitenciários e apresentado no Ciosp do Pacoval.

Léo: desde 2008

Léo: detento desde 2008

O homem que seria o comparsa também foi detido em uma moto, mas ele não teve o nome divulgado.

Leodresse Menezes dos Santos está preso no Iapen desde 2008 por assalto.

Compartilhamentos