Compartilhamentos

CÁSSIA LIMA

Ocorre neste sábado, 30, o ritual de retirada de mastros, no Curiaú, dedicados ao Divino Espírito Santo e Santíssima Trindade. O rito é em continuação ao Ciclo do Marabaixo. No domingo terá a programação religiosa, no barracão da tia Biló.

Ciclo festeja a Santíssima Trindade e o Divino Espírito Santo

Ciclo festeja a Santíssima Trindade e o Divino Espírito Santo

Os preparativos finais estão sendo feitos no bairro do Laguinho, pela Associação Raimundo Ladislau. O Ciclo do Marabaixo iniciou na Semana Santa e encerra no Domingo do Senhor, com manifestações religiosas e festivas, incluindo missas, novenas, bailes, rodas de marabaixo e retirada e derrubada dos mastros. Neste ano, a Associação preparou uma oficina para difundir conhecimentos sobre o assunto.

Neste sábado, o ritual manda retirar os mastros no Curiaú, que serão enfeitados para serem levantados na aurora dedicada ao Divino e Santíssima Trindade. Após o almoço de confraternização com as famílias tradicionais, os mastros são deixados na casa das irmãs Joana e Raimunda.

No domingo, o mastro é levado ao barracão da tia Biló, com festejo até meia noite. A continuidade dos festejos do marabaixo busca levar fé e tradição à comunidade em geral. Na oportunidade, serão ofertadas oficinas da história do marabaixo, a importância da dança no contexto cultural, roda de conversa com pioneiros e explanação de professores graduados na área.

PROGRAMAÇÃO
Sábado do Mastro – 30 de abril
De 9h às 12h – Corte dos mastros
Local: Quilombo do Curiaú

Domingo do Mastro – 1º de maio
8h30 – Condução dos mastros para o barracão
17h – Marabaixo do Mastro

Compartilhamentos