Compartilhamentos

CÁSSIA LIMA

A uma semana do fim do prazo para cadastro e recadastro da meia passagem, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amapá (Setap), estima uma diminuição de usuários do transporte coletivo. Acontece que apenas 36 mil pessoas passaram pelos postos para realizar o procedimento, quando o esperado era de 50 mil estudantes.

Diretor de bilhetagem do Setap: prazo nāo será prorrogado

Artur Sotāo, diretor de bilhetagem do Setap: prazo nāo será prorrogado

Segundo o diretor de bilhetagem do Setap, Artur Sotão, o cadastro tem uma média de 10 mil novos usuários ao ano, mas até o dia 20 de abril havia apenas seis mil novos estudantes cadastrados.

“O cadastro sempre teve períodos de altos e baixos. Como estamos na reta final, esperamos apenas 8 mil novos cadastros feitos até o dia 30, prazo final do processo”, estimou o diretor.

Artur Sotão explica ainda que a grande preocupação é o recadastro. Até o dia 20 de abril, 60% dos estudantes havia feito o procedimento para usar o transporte coletivo. O número equivale a 30 mil alunos de um total estimado em 50 mil.

“Já sabemos que não vamos atingir a meta e esperamos 45 mil recadastro. Nosso medo é que o pessoal continua deixando pra última hora. Vamos trabalhar no sábado, 23, de 10h às 18h para compensar as longas filas que se formam”, adiantou Sotão.

Longas filas nos postos com a chegada do fim do prazo de cadastro e recadastro

Longas filas nos postos com a chegada do fim do prazo de cadastro e recadastro

O Setap informou que a equipe terá o número de profissionais dobrados na segunda, 25, com a expectativa que mais alunos apareçam para realizar o procedimento.

O Sindicato avisou também que o prazo não será prorrogado e que só vai recarregar a meia passagem dia 2 de maio, quem tiver em mãos o comprovante do recadastro e cadastro. Quem não puder comprovar terá o beneficio bloqueado.

Compartilhamentos