Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Um homem acusado de assalto foi morto numa troca de tiros com uma equipe do Batalhão de Operações Especiais (Bope)  na tarde deste sábado, 22, no Bairro Perpétuo Socorro, Zona Leste de Macapá. Um comparsa, que também estava armado, não reagiu e foi preso.

No total, eram 4 acusados de assaltar a residência de uma idosa na Avenida Alagoas, no Bairro do Pacoval. Ela e o filho foram agredidos pelos assaltantes que fugiram levando produtos de beleza e cosméticos e outros objetos da casa.

José Luiz morreu no HE

José Luiz morreu no HE. Foto: Arquivo policial

Ruy Maciel, de 20 anos

Ruy Maciel, de 20 anos

Maycon Maciel, de 23 anos

Maycon Maciel, de 23 anos

Com informação do setor de inteligência da Secretaria de Segurança Pública (Sejusp), uma equipe de Rondas Ostensivas Táticas Motorizadas (Rotam) do Bope chegou até uma residência onde os criminosos estariam escondidos.

De acordo com o batalhão, um deles não obedeceu à ordem policial e atirou contra a equipe que revidou. José Luiz dos Santos Cardoso, de 25 anos, foi atingido, levado para o Hospital de Emergência de Macapá, mas acabou não resistindo aos ferimentos.

“Ressalta- se ainda que os outros 4 infratores obedeceram a ordem policial, e um deles, mesmo portando arma de fogo, não reagiu e foi preso juntamente com os demais”, informou o Bope em boletim.

Cão farejador Vulcão encontrou as drogas

Cão farejador Vulcão encontrou as drogas

Um cão farejador do Bope encontrou na casa porções grandes de crack. Todos foram levados para o Ciosp do Pacoval, onde as vítimas do roubo reconheceram os acusados.

Eles foram identificados como Ruy Maciel de Lima, de 20 anos; André Luiz de Oliveira Ramos, de 22 anos;  Maycon Maciel Santiago, de 23 anos; e Vanderleia Fernandes Borges, de 40 anos, acusada de participar do roubo.

Compartilhamentos