Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Um suspeito de dois homicídios precisou ser contido com um tiro pela Polícia Militar no município de Calçoene, a 460 quilômetros de Macapá, no norte do estado. Ele travou luta corporal com vários policiais.

Na tarde deste sábado, 14, a Polícia Militar recebeu informação anônima de que Leonardo Silva Alves, de 20 anos, o ‘Leo’, estava escondido em uma casa na Rua Agripino Murta, no Centro de Calçoene. Ele já tinha dois mandados de prisão em aberto por assassinato.

Uma equipe da PM acompanhada de dois agentes da Polícia Civil foi até o local. De acordo com a Polícia Militar, Leo teria desobedecido a ordem para que ficasse parado e reagiu. Houve luta corporal entre ele e os policiais.

Segundo a PM, Leo tentou tirar a arma de um dos policiais. No meio da confusão, um dos policiais disparou um tiro em uma das pernas do acusado para que ele fosse imobilizado. Só assim ele ficou controlado.

Durante a operação, a PM também prendeu Evandro dos Santos Castro, de 22 anos, que teria tentado impedir a prisão de Leo.

O acusado ferido foi levado para o Hospital de Calçoene, e depois apresentado na delegacia de polícia da cidade.

Compartilhamentos