Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

O violonista Nonato Leal, de 89 anos, foi homenageado nesta quarta-feira, 8, na Assembleia Legislativa do Amapá. Ele recebeu o Título de Cidadão Amapaense. A iniciativa foi dos deputado Pedro da Lua (PSC) e Luciana Gurgel (PR).

A honraria foi aprovada em março, mas foi entregue apenas hoje em solenidade.  Nonato Leal nasceu no município de Vigia, no interior do Pará, mas mora no Amapá há 66 anos. Apesar de toda a história na música amapaense, foi a primeira vez que ele foi homenagem pela Alap.

Em 2013, o deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ) foi condecorado com o mesmo título em menos de 24 horas de visita ao Estado. A honraria foi cassada este ano pelos deputados. 

Em julho, Nonato Leal completará 89 anos, 79 deles dedicados à música.  O artista busca apoio para lançar um CD de aniversário. O deputado Pedro da Lua prometeu articular apoio para que o trabalho também seja lançado em DVD.

“Qualquer outro país do mundo se orgulharia de ter um artista como Nonato Leal. No Amapá, infelizmente ele não recebe o apoio devido pela importância de sua obra. Temos que fazer por Nonato enquanto ele está entre nós, porque quando ele se chamar saudade, vai querer preces – e nada mais!”, disse o deputado, parafraseando Nelson Cavaquinho.

Compartilhamentos