Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

Um garoto de 3 anos de idade que recebeu uma descarga elétrica na tarde de sexta-feira, 24, no Bairro Buritizal, Zona Sul de Macapá, continua internado no Hospital de Emergências (HE). Segundo a mãe da criança, o estado de saúde dela ainda é grave e vem piorando.

A mãe, Adrieli dos Santos Gomes, de 20 anos, conta que o menino está com boa parte do lado esquerdo do corpo queimado e a mão é a que foi mais atingida. Ela disse que a criança estava na casa da irmã dela, brincando com a prima, quando o pé dela ficou preso no fio de eletricidade.

Adrieli, mãe da criança. Foto: André Silva

Adrieli Gomes, mãe da criança: “a médica que estava cuidando dele disse que ele tá piorando”. Foto: André Silva

“Ele foi tentar tirar o fio do pé. Quando ele meteu a mão, ficou grudado. A médica que estava cuidando dele disse que ele tá piorando”, narra com lagrimas a mãe.

Ela conta que o fio estava caído no chão após a ventania que aconteceu no dia interior, quinta-feira, 23. Adrieli lembra que a última vez que viu o filho no hospital ele estava dormindo. O menor mora com a tia, mas a mãe disse que todos os fins de semana o pegava para ficar com ela.

“Todo dia eu dou de R$ 50 a R$ 30 para ela cuidar do meu filho e ela não tem dado a assistência que ele necessita”, queixou-se a mãe quando soube que o filho estava sem roupas quando recebeu a descarga elétrica.

De acordo com a assessoria de comunicação do HE, a criança continua internada na clínica semi-intensiva do hospital e o estado ainda é grave. Ela precisa de óleo de girassol para passar nas feridas.

Compartilhamentos