Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Um vídeo feito pela mãe de um bebê que estava internado na Maternidade Mãe Luzia, a única maternidade pública do Amapá, mostra uma infestação de baratas em uma das enfermarias. A Secretaria de Saúde do Amapá (Sesa) informou que o hospital passará por dedetização em breve. 

As imagens foram gravadas em junho, e mostram os insetos debaixo de uma banheira de banho do recém-nascido. Algumas passam por dentro de uma pia.

Elas também andam pelo chão, em cima da cama e até no equipamento de nebulização.

A mãe de 21 anos estava acompanhando o bebê de apenas duas semanas de vida. A criança estava internada pela segunda vez para tratamento de uma infecção após uma cirurgia.

“Os enfermeiros diziam para a gente ter cuidado com as baratas”, lembra a mãe.

Em nota, a Sesa informou que está em fase final uma licitação que vai definir qual empresa ficará responsável pelo serviço de combate de pragas nas unidades de saúde do Estado.

A Sesa disse ainda que é complexo combater pragas em ambientes hospitalares, principalmente porque as unidades ficam de portas abertas 24h por dia “estando sujeitos a entrada de qualquer tipo de inseto”.

Compartilhamentos