Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Policiais civis da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes do Amapá (DTE), liderados pelo delegado Ronaldo Coelho, deflagraram na manhã desta quinta-feira, 9, a ‘Operação Aráxá’. Foram cumpridos mandados de busca e apreensão em residências de acusados de tráfico no Bairro do Araxá, na Zona Sul da capital Macapá. Houve prisões e a apreensão de mais de 2 quilos de crack.

Os mandados começaram a ser cumpridos por volta das 6h em 4 residências de pessoas da mesma família. Uma das casas fica na comunidade do Aturiá, exatamente às margens do Rio Amazonas.

Policial dá cobertura durante cumprimento de mandado de busca

Policial dá cobertura durante cumprimento de mandado de busca. Fotos: Olho de Boto

Um dos filhos assumiu ser o dono sozinho das drogas afirmando que a mãe não teria envolvimento

Um dos filhos assumiu ser o dono sozinho das drogas afirmando que a mãe não teria envolvimento

 

Dois quilos de crack, 14 porções de maconha e 25 de crack

Dois quilos de crack, 14 porções de maconha e 25 de crack

Numa das residência os agentes encontraram uma pistola e os moradores foram presos. No total foram cinco prisões, incluindo de duas mulheres, e a apreensão de um adolescente. Todos foram levados para o Ciosp do Pacoval.

Com auxílio de um cão farejador, a polícia encontrou dois quilos de crack em tabletes grandes na casa da matriarca (loira na foto), além de 14 porções de maconha e 25 de crack prontos para serem comercializados individualmente. Uma arma caseira também foi apreendida em outra residência. 

Uma pistola foi encontrada numa das residências

Uma pistola foi encontrada numa das residências

Delegado Ronaldo Coelho comandou a operação

Delegado Ronaldo Coelho comandou a operação

Os presos e o material foram apresentados agora há pouco no Ciosp do Pacoval, onde funciona a DTE. Na delegacia, um dos presos disse ser o verdadeiro dono dos dois quilos de crack.

“Disse isso provavelmente para livrar a mãe dele”,  comentou um dos agentes que participou da operação. Todos foram presos em flagrante por tráfico de drogas. A polícia ainda não divulgou os nomes dos envolvidos e nem de onde eles recebiam a droga. 

Cão farejador ajudou a encontrar dois quilos de crack

Cão farejador ajudou a encontrar dois quilos de crack

Drogas e armas foram levadas para o Ciosp do Pacoval

Drogas e armas foram levadas para o Ciosp do Pacoval

Compartilhamentos