Compartilhamentos

SELES NAFES E OLHO DE BOTO

As polícias Civil e Militar do Amapá deflagraram nesta sexta-feira, 24, a ‘Operação São João’ para o cumprimento de 37 mandados de busca e apreensão em bairros da capital Macapá. Até às 8h da manhã dezenas de pessoas já haviam sido presas em flagrante ou conduzidas para averiguações.

A operação envolve mais de 180 policiais civis e militares em 50 viaturas, além de equipes da Policia Técnica do Amapá (Politec) e o helicóptero do Grupo Tático Aéreo (GTA). O Ministério Público do Estado (MP) também acompanha as prisões com duas promotoras de Justiça.

Presos estão sendo levados para a 6ª DP do Bairro do Trem

Presos estão sendo levados para a 6ª DP do Bairro do Trem

PMs na delegacia onde os presos estão sendo apresentados. Operação continua em andamento

PMs na delegacia onde os presos estão sendo apresentados. Operação continua em andamento

A operação começou às 4h com a mobilização das equipes que iriam cumprir os mandados de busca e apreensão.

“Isso é fruto de um trabalho de 5 meses de investigação da Sejusp onde criamos um grupo estratégico de combate à criminalidade. A novidade é que trouxemos para o grupo o Ministério Público e o Judiciário para estreitar as relações e nos ajudar na expedição desses mandados que as vezes demoram muito para sair”, explicou o secretário de Segurança Pública, Gastão Calandrini.

Operação envolve policiais militares de todos os batalhões

Operação envolve policiais militares de todos os batalhões

Policiais civis e equipes da Polícia Técnica foram mobilizados

Policiais civis e equipes da Polícia Técnica foram mobilizados

“Quando o tráfico é combatido nessa intensidade outros crimes deixam de ocorrer como o roubo a transeuntes, estabelecimentos comerciais, residências e outros crimes associados. E já estamos trabalhando na próxima operação com outro foco”, acrescentou.

As equipes foram a casas onde funcionariam supostos pontos de venda de drogas nos quatro cantos da capital, como no Jardim Felicidade II e II, Zerão e Congós. Os presos em flagrante e detidos estão sendo levados para a 6ª Delegacia de Polícia do Bairro do Trem.

Durante o cumprimento dos mandados várias pessoas foram presas em flagrante ou conduzidas

Durante o cumprimento dos mandados várias pessoas foram presas em flagrante ou conduzidas

A Sejusp ainda não fez um balanço exato dos números da operação, mas confirma que já houve várias apresentações de drogas. A operação continua em andamento.

Compartilhamentos