Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Criado em 2007 por artistas da região norte do país, residentes na cidade do Rio de Janeiro, o grupo Paideguará lança nessa sexta-feira, 8, o cd digital ‘Altamirando’. O grupo buscou nas comunidades ribeirinhas do Pará e do Amapá, inspiração para as composições do novo trabalho.

O repertório começa com “Águas Claras”, canção de inspiração a preservação as águas nortistas. Em seguida vem “Canto dará Guará”, canção que retrada as senhoras na beira do rio lavando roupas no sol quente e sita também Mairí (estrela) que homenageia ao formato da Fortaleza de Macapá. “Mata que cura” é um canto de amor e de paz as famílias ribeirinhas.

“Essa música é continuação das lembranças de Vila Nova, passeios de canoa aos braços do rio, quando meu pai atravessava nadando até a prainha na companhia dos pulos dos botos. Um presente nas tardes suaves da Amazônia”, declara Aline, compositora de todas as músicas do álbum.

Cd 'Altamirando' será lançado às 19h

Cd digital ‘Altamirando’ será lançado às 19h

“Rebujo de Igarapé/Águas barrentas”, vem da imagem cotidiana da vida no interior da Amazônia,  fala sobre o “ambé” igarapé de Altamira e suas correntezas  que desagua no Xingú. 

Em “Marabaixada”, a união das danças através da poesia da canção, o carimbo, Siriá e o Marabaixo, ritmo do Amapá, com descendência  africana, que se encontram em meio ao batuque marabaixeiro. 

“Altamirando” homenageia o Carimbó e sua origem, falando de cidades e tribos paraenses e amapaenses, fazendo alusão ao mestre Verequete. E para finalizar o álbum, “Festejos no Ar”. O cd digital será lançado às 19h, através da gravadora LEP MUSIC.

O coletivo Paideguará busca em seus encontros o diálogo entre a diversidade musical, com muita invenção, unindo mito e realidade. Nesse sentido, o grupo trabalha divulgando na região Sudeste a expressão da cultura popular do Norte, conquistando novos públicos, e experimentando as tradições musicais do Amapá e do Pará num outro contexto sócio-cultural.

O grupo é formado por Bárbara Castro (voz e maracás), Diego de Abreu (percussão), Leandro Floresta (guitarra e flauta transversa), Pedro Messina (violão sete cordas), Rodrigo Biscoito (Rabeca e bandolim), Ton Rodrigues (voz e caxixis), Aline Castro (violão, guitarra e voz), Andrey Alves (dança), Gleyson Almeida (dança), Jucilan Santana (dança) e Júlia Neves (dança).

Compartilhamentos