Compartilhamentos

FERNANDO SANTOS

A Justiça Eleitoral sorteou nesta sexta-feira, 19, a ordem de exibição da propaganda eleitoral obrigatória no rádio e na televisão e definiu o tempo de cada coligação. Mas, durante a reunião, surgiu um problema gigantesco: as duas únicas emissoras de Santana alegaram incapacidade técnica para exibir a propaganda dos partidos.

A reunião foi conduzida pela 6ª Zona Eleitoral de Santana, com participação do promotor eleitoral Adilson Garcia e de representantes das coligações.

Com o sorteio, ficou definido que a coligação ‘Pra Reconstruir Santana’, formada pelo PT, PDT, PMDB e PROS terá o maior tempo de propaganda, com 2 minutos e 59 segundos. A candidata à prefeita é Isabel Nogueira (PT).

A coligação ‘Competência e Força Pra Santana Mudar’, formada pelo DEM, PSC, PEN, PSD e PTB terá 2 minutos e 25 segundos. A candidata é a Professora Zima (DEM).

Em seguida, aparece a coligação ‘Sempre por Santana’, formada pelo PP, PSL, PR, PPS e PHS, com 1 minuto e 42 segundos. O candidato é Robson Rocha (PR).

Em quarto, aparece a coligação ‘Pra Renovar a Esperança’, composta pela REDE, PTN, PMN, PSB, PC do B e Solidariedade, com 1 minuto e 21 segundos. A candidata é a deputada federal Marcivânia Flexa (PT).

À esquerda, promotor Adilson Garcia: pedido de apoio ao SBT. Fotos: Fernando Santos

À esquerda, promotor Adilson Garcia: pedido de apoio ao SBT. Fotos: Fernando Santos

A coligação ‘Justiça por Santana’, formada pelo PRB, PSDC, PTC, PV e PRP, ficou com 1 minuto e 14 segundos. O candidato é Ofirney Sadala (PSDC).

Com o menor tempo ficou a coligação ‘Administra Santana’, formada pelo PRTB e PSOL, com apenas 16 segundos. O candidato é Elias Leal (PRTB).

Veja a ordem de exibição na televisão

1º Sempre por Santana (Robson Rocha)

2º Justiça por Santana (Ofirney Sadala)

3º Pra Renovar a Esperança (Marcivânia Flexa)

4º Administra Santana (Elias Leal)

5º Pra Reconstruir Santana (Isabel Nogueira)

6º Competência e Força pra Santana Mudar (Professora Zima)

Com as mudanças nas regras eleitorais, serão apenas 10 minutos de propaganda por bloco. No rádio, a propaganda começará às 7h e terminará às 7h10. E repete de 12h às 12h10min.

Na televisão, a propaganda começará às 13h e terminará às 13h10. À noite, será das 20h às 20h10min.

Apesar da definição do tempo e da ordem de exibição, a Justiça Eleitoral tem um problemão nas mãos que pode render muitas ações judiciais. As duas emissoras de Santana, a TV STN e a TV Santana, alegaram incapacidade técnica para exibir os programas. Ou seja, o risco de uma ou outra coligação ficar fora do ar é muito grande. 

“A mais estruturada é a TV Santana, que disse que poderá fazer, mas já advertiu que pode haver problemas”, comentou o promotor eleitoral Adilson Garcia.

O promotor fez contato com a direção do SBT em Macapá e pediu apoio na exibição da propaganda para Santana. A emissora ainda não se posicionou sobre a solicitação.

Compartilhamentos