Professores acampam em escola para evitar roubos

Cerca de dez profissionais da escola Almirante Barroso, em Santana, fizeram ronda no colégio para evitar roubos
Compartilhamentos

VALDEÍ BALIEIRO

Professores da Escola Estadual Almirante Barroso, localizada no município de Santana, distante 17 quilômetros de Macapá, passam a noite no colégio para evitar que ladrões invadam e roubem os equipamentos.

Segundo o diretor da escola, o professor Elias Almeida, o fato foi apenas na quarta-feira, 10, mas poderá se estender para os demais dias.

Professores dormiram na escola. Fotos: Divulgação

Cerca de dez profissionais acamparam na escola. Fotos: Divulgação

“Eles fizeram isso como um ato de manifestação por conta do fim dos contratos com as empresas de vigilância que faziam a segurança das escolas públicas”, conta o diretor.

Desde que o governo do Estado comunicou o fim dos contratos com as empresas de segurança, escolas estaduais têm sido alvos de bandidos que invadem, arrombam e saqueiam as salas levando equipamentos como computadores e televisores.

O diretor ainda disse que a escola não sofreu furtos, mas que o ato é uma prevenção.

“Semelhante ao que aconteceu com a escola Elizabeth Picanço Esteves e Everaldo Vasconcelos, nós não queremos que aconteça na nossa. Por isso, os professores irão fazer nova manifestação e dormirão na escola”, disse Elias Almeida.

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.