Compartilhamentos

OLHO DE BOTO 

Uma tentativa de fuga, após o roubo de uma moto, acabou virando sequestro no início da madrugada deste domingo, 4, no Bairro do Santa Inês. Uma das reféns, uma idosa de 99 anos, só se deu conta do que acontecia após a prisão do criminoso.

Anderson Pantoja Neves, 23, conhecido como “Candinho”, havia roubado uma motocicleta de um casal que estava numa lanchonete, na orla de Macapá. Durante a fuga, o alarme disparou e o veículo ficou paralisado.

Equipe do BOPE negocia as condições de rendição de "Candinho". Fotos: Olho de Boto

Equipe do BOPE negocia as condições de rendição de “Candinho”. Fotos: Olho de Boto

Populares, percebendo do que se tratava, aproximaram-se de Candinho que, sem saída, correu, com uma arma de fogo em punho para invadir uma residência localizada na Rua Andrade de Oliveira Costa.

Idosa não sabia que era refém 

No interior da casa, Anderson fez quatro pessoas reféns. Duas delas estavam na sala e dentro de um quarto estavam mais duas.

Entre elas, havia uma senhora de 99 anos. A idosa Benedita Furtado Dias só foi entender o que estava acontecendo depois que o bandido se rendeu .

Familiares, vizinhos e curiosos acompanharam a negociação.

Familiares, vizinhos e curiosos acompanharam a negociação

Após a invasão e o sequestro, os militares do Bope foram chamados e começou a negociação, sob o comando do tenente Eliabe Marques, negociador do batalhão.

Equipe da polícia evitou disparos 

Negociação foi fundamental para evitar problemas maiores, avaliou BOPE.

Negociação foi fundamental para evitar problemas maiores, avaliou BOPE

“Foram atendidos os pedidos do criminoso, a imprensa foi chamada para o local. Depois de aproximadamente duas horas de negociação, as vítimas foram libertadas e o bandido se rendeu”, explicou Marques.

O tenente destacou também que, graças à ação conjunta do BPTran, BRPM, 1º BPM e Bope, nenhum disparo foi efetuado.

As 4 vítimas foram atendidas por uma equipe do CBM que estava dando o apoio necessário . Todos passam bem.

Audiência de custódia 

Arma de fogo que portava o sequestrador.

Arma de fogo que portava o sequestrador

Candinho foi preso e conduzido para o Ciosp do Pacoval, de onde, após ser ouvido pelo delegado, será encaminhado para a audiência de custódia. O assaltante já tem passagem pelos crimes tráfico de drogas e porte ilegal de arma se fogo.

Compartilhamentos