Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

O Grupo Tático Aéreo (GTA), equipe que reúne policiais militares civis e bombeiros, terá uma nova base. A primeira etapa da obra vai custar R$ 2 milhões de emenda do deputado federal Vinícius Gurgel (PR-AP), que teve um encontro com a equipe na última sexta-feira, 2. 

A ideia é construir uma base completa, com heliporto, sala de operações, oficina mecânica, refeitório e alojamento. A estrutura poderá ser construída no Parque de Exposições da Fazendinha, mas o local pode ser revisto. 

Deputado Vinicius Gurgel ouve o coordenador do GTA, o policial civil e piloto Rubem Júnior. Fotos: Ascom e arquivo

Deputado Vinicius Gurgel ouve o coordenador do GTA e piloto Rubem Júnior. Fotos: Ascom e arquivo

A emenda será liberada no ano que vem. A base atual do GTA fica na área do Aeroporto Internacional de Macapá.

O GTA foi criado em junho de 2006, inicialmente com um helicóptero alugado pelo governo do Estado. Contudo, as operações policiais e de resgate aéreo foram desativadas em 2012 quando o governo não renovou o contrato de aluguel da aeronave.

Reunião na sede provisória do GTA: emenda será liberada no ano que vem

Reunião na sede provisória do GTA: emenda será liberada no ano que vem

O grupo é subordinado à Secretaria de Justiça e Segurança Pública do Amapá (Sejusp) e conta com duas aeronaves, um helicóptero modelo Esquilo e um avião Cesna doado pela Polícia Federal, mas que está parado por falta de manutenção. 

O efetivo tem 25 profissionais especialistas em atividades áreas, terrestres e aquáticas.

Compartilhamentos