Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Policiais militares do município de Laranjal do Jari, no Sul do Amapá, prenderam dois acusados de roubar e matar o técnico de som Leomir Costa Silva, de 31 anos. Ele era técnico de som e muito solicitado por músicos da região.

Segundo o radialista Bob Madariaga, a prisão ocorreu na tarde deste sábado, 17. Policiais receberam ligações anônimas indicando a localização dos dois acusados do latrocínio.

Um tenente e dois soldados decidiram checar a informação indo até o endereço indicado. O proprietário do imóvel permitiu a busca e os PMs encontraram os dois suspeitos, Paulo Henrique de Ferreira Paes, de 18 anos, e um menor de 17 anos conhecido como ‘Tinanã’.

Leomir era técnico de som muito solicitado por músicos da região. Foto: Reprodução

Leomir era técnico de som muito solicitado por músicos da região. Foto: Reprodução

Eles não reagiram, e foram apresentados na delegacia de polícia, onde confessaram o crime.

O crime ocorreu por volta da 1h da madrugada de sábado, na travessia do Rio Jari para o Distrito de Monte Dourado, no município paraense de Almeirim. Leomir e Josinaldo Costa Pinheiro, também de 31 anos, aguardavam a balsa quando foram abordados pelos dois criminosos.

As vítimas entregaram celulares, dinheiro e outros objetos, e mesmo sem reagir foram esfaqueados pelos criminosos. Os rapazes foram levados em um táxi para o Hospital de Laranjal do Jari, mas Leomir morreu no centro cirúrgico.

Josimar Pinheiro sobreviveu e continua internado no hospital sem risco de morte. Ele reconheceu os criminosos por meio de fotos.  

Compartilhamentos