Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Um professor que conduzia um Cobalt perdeu a direção em uma curva na Rodovia JK e capotou com o veículo. Ele e os passageiros ficaram feridos sem gravidade. A Polícia Militar afirma que o motorista estava embriagado.

O acidente ocorreu por volta das 9h, próximo do Distrito do Igarapé da Fortaleza. O carro era conduzido por Rogério Amaral Nunes, de 35 anos, professor da Escola Maria Angélica, que trafegava no sentido Fazendinha/Santana.

Carro capotou várias vezes

Carro capotou várias vezes

Motorista e passageiros tinham saído do balneário de Fazendinha por volta das 9h

Motorista e passageiros tinham saído do balneário de Fazendinha por volta das 9h

O capotamento ocorreu em uma curva. O veículo saiu da pista entrou pela mata.

“Com certeza ele devia estar em alta velocidade e perdeu a direção na curva. Eles tiveram bastante sorte por não haver nenhuma vítima fatal. Todos apresentavam sinais de embriaguez, estava cambaleando e com a fala vagarosa ”, comentou o tenente George, do Batalhão de Policiamento Rodoviário Estadual.

Tenente do BPRE informou que todos apresentavam sinais de embriaguez. Fotos: Olho de Boto

Tenente do BPRE informou que todos apresentavam sinais de embriaguez. Fotos: Olho de Boto

Um colega do professor que estava passando pelo local parou para socorrer os feridos logo depois do acidente.

“Ele está bem e não corre risco de morte. Ele estava atordoado quando eu cheguei, e preferi não questionar nada com ele. Eu já perdi amigo meu, colega de trabalho, também num acidente. O trânsito é muito cruel”, comentou o amigo também professor.

O professor e os passageiros foram levados para o Hospital de Emergência de Macapá. Depois do atendimentos eles foram liberados.

Compartilhamentos