Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

Neste domingo, 02 de outubro, jovens, idosos, adultos e famílias inteiras saíram para votar. A maioria desse eleitorado é composto por pessoas de idade entre 16 e 29 anos. Para muitos deles, este dia vai ficar marcado na memória.

No Amapá, são 487.446 eleitores. Na capital do estado, o total é de 277.688 votantes. Desses, 46% são jovens e quase 7% corresponde ao número de idosos.

Em Macapá a quantidade de eleitores jovens chega a 99.149. Entre eles, a esperança de mudanças por meio do voto é grande, mas nem tanto para outros.

Alex Queiroz chegou ao local de votação junto com o pai. Fotos: André Silva

Alex Queiroz chegou ao local de votação junto com o pai. Fotos: André Silva

Para o jovem Alex Queiroz, de 16 anos, que está votando pela primeira vez, ele tinha certeza do que estava fazendo. Alex acredita que o voto ainda é a única saída para a  melhoria da cidade.

“Achei legal votar! Acho voto muito importante porque você está escolhendo em quem confia. Acredito que por meio do voto eu posso mudar a realidade do meu país. Se cada pessoa que votar tiver essa certeza tudo pode mudar”, opina o jovem que teve a companhia do pai em sua primeira eleição.

Veio para votar com a mãe e familiares.

Carla Martins foi votar com a mãe e familiares.

É a primeira vez também que vota Carla Martins, de 16 anos. “Eu estava com medo, porque foi a primeira vez que eu votei. Pedi orientação da mesária e saiu tudo bem”, conta a jovem.

Ela não acredita que a mudança venha pelo voto. “Quem pode mudar alguma coisa são eles e acredito que isso não vai acontecer”, lamenta.

 

Compartilhamentos