Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Uma tragédia comoveu vizinhos de uma área alagada no Bairro do Muca, na Zona Sul de Macapá, na noite desta terça-feira, 22. Uma criança de apenas 8 anos foi morta com um tiro de espingarda. O irmão de 22 anos, que está sendo procurado pelo crime, tentou tirar a própria vida quando percebeu o menino estava morto.

A casa onde tudo aconteceu fica na área de pontes da Travessa Gregório de Matos Guerra.

De acordo com informações repassadas pela família à Polícia Militar, Idelmo da Silva Alves, de 22 anos, estava manuseando uma espingarda calibre 32. O irmão mais novo, de 8 anos, estava passando pelo corredor quando houve o disparo.

Tragédia ocorreu em área de pontes do Bairro do Muca. Fotos: Olho de Boto

Tragédia ocorreu em área de pontes do Bairro do Muca. Fotos: Olho de Boto

“Ele ainda tentou socorrer a criança, mas quando viu que o menino estava sem vida tentou recarregar a arma para cometer suicídio, mas foi impedido por outro irmão. Ele largou tudo e fugiu em rumo ignorado”, relatou o sargento Rosivaldo Sarmento, do 1º BPM.

O tiro foi à queima-roupa, informou a PM, e atingiu a região de uma das axilas. No momento do tiro estavam dentro da casa os três irmãos e a mãe, que entrou em desespero.

“Possivelmente um tiro acidental de curta distância. Uma das mãozinhas da criança foi queimada por pólvora. Ainda não sabemos em que ele (Idelmo Alves) usava essa arma, mas ele não tem passagem pela polícia”, acrescentou o sargento.

Vizinhos acompanham drama da família

Vizinhos acompanham drama da família

A PM apreendeu a arma, que tem cano e a coronha serrados, além da munição deflagrada e mais munição na mochila do acusado.

 “Muito triste a vida de uma criança terminar dessa forma”, lamentou o sargento.

A Polícia Técnica do Amapá (Politec) foi até o local fazer a perícia da casa, e remover o corpo da criança.

Compartilhamentos