Compartilhamentos

CÁSSIA LIMA

O primeiro dia do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017, neste sábado, 5, foi considerado de muito nervosismo e tensão para os amapaenses. Algumas pessoas fazem a prova pela primeira vez e enfrentam a pressão do exame para o ensino superior.

Candidatos chegaram cedo na escola para evitar problemas. Fotos: Cássia Lima

Candidatos chegaram cedo na escola Coelho Neto para evitar problemas. Fotos: Cássia Lima

Esse é o caso da estudante Nerilene Ferreira, de 28 anos, que esperava a abertura dos portões na Escola Estadual Coelho Neto, no Bairro do Buritizal. Ela não fez cursinho, mas estudou em casa e na escola e faz a prova pela primeira vez.

“É uma prova muito esperada que nos deixa com muita expectativa e nervosismo. Eu quero cursar arquitetura e agora tô tentando manter a calma e relaxar. Mas é difícil porque é muita pressão”, conta a estudante que tentava disfarçar o nervosismo sorrindo.

Nerilene Ferreira quer cursar arquitetura. Tentando manter a callma

Nerilene Ferreira quer cursar arquitetura. Tentando manter a calma

Para José Ricardo, de 18 anos, a pressão é ainda maior. Ele faz o Enem pela segunda vez e apesar de ser morador do Bairro Buritizal fez a prova na Escola Estadual Tiradentes, no Centro. Ele conta que estudou 4 horas por dia em casa e está bem para a prova.

“Não tem aquele nervosismo do primeiro ano, mas tem a pressão e expectativa maior da prova. Eu tô mais tranquilo e confiante, mas curioso para saber os assuntos que vão cair na prova”, contou José que busca cursar Engenharia da Computação.

José faz o Enem pela segunda vez. Agora, está mais confiante

José faz o Enem pela segunda vez. Agora, está mais confiante

Já para a jovem Milena Palmerim, de 16 anos, o Enem tem um significado diferente. Ela, que cursa o 2ª ano do ensino médio e faz cursinho, tenta o exame pela primeira vez para “ter noção” da prova.

“Nós sabemos as disciplinas de hoje, mas não fazemos a mínima ideia da prova em relação às questões. Por isso vim fazer, porque quero ter noção da prova e quebrar o nervosismo para o ano que vem. Aí sim vou estudar em dobro para cursar medicina”, disse.

Milena Palmerim

Milena Palmerim está no segundo ano, mas faz o exame para se familiarizar com a prova

Chamou a atenção na entrada de algumas escolas os estudantes estarem sendo recepcionados por equipes de faculdades particulares, que distribuíram água e panfletos sobre promoções de cursos superiores.

Faculdades particulares recepcionando candidatos

Faculdades particulares recepcionando candidatos

Ao todo, 65.623 candidatos estão inscritos para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) neste sábado e domingo. A maior parte dos alunos são de escolas públicas que devem fazer o exame em Macapá e Santana.

Neste sábado, o conteúdo será de Ciências Humanas e suas Tecnologias e Ciências da Natureza e suas Tecnologias. A prova deste primeiro dia tem a duração de 4h30min.

Alguns estudantes optaram por escolas centrais, como o Tiradentes para a realização da prova

Alguns estudantes optaram por escolas centrais, como o Tiradentes para a realização das provas

No domingo, o Exame tem como prova a área de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Matemática e suas Tecnologias e a redação. Serão 5h30min de prova.

 

Compartilhamentos