Compartilhamentos

De Santana, FERNANDO SANTOS

O clima é de apreensão no segundo município mais populoso do Amapá, que nos últimos meses tem se transformado em palco de mortes violentas, a maioria envolvendo menores de idade. Em menos de 2 dias foram registrados 2 homicídios em Santana.

Por volta das 17h30 do sábado, 26, Robson Henrique Silva Igreja, de 15 anos, foi assassinado com 4 tiros de revólver, todos os disparos foram à queima roupa. O crime ocorreu na Avenida Coelho Neto, Bairro Nova Brasília.

Multidão acompanha ocorrência na Avenida Nova Brasília. Fotos: Fernando Santos

Multidão acompanha ocorrência na Avenida Nova Brasília. Fotos: Fernando Santos

“Estão falando que os caras chegaram de moto. Foi tudo muito rápido. Nossa família está chocada”, informou uma das tias da vítima que pediu para não ser identificada.

Henrique Igreja não morreu na hora. Ele foi socorrido pelo pai num carro particular. Ao chegar ao Hospital de Pronto Socorro de Santana, o adolescente não resistiu aos ferimentos. Na frente do necrotério houve aglomeração de várias pessoas.

Henrique Igreja morreu no Pronto Socorro de Santana

Henrique Igreja ainda foi socorrido pelo pai…

...mas morreu no Pronto Socorro de Santana

…mas morreu no Pronto Socorro de Santana

A Polícia Civil confirmou que os criminosos chegaram numa motocicleta vermelha e executaram o crime. Ninguém foi preso, mas diligências continuam na cidade. A Polícia Civil trata o caso como acerto de contas.

De acordo com as investigações, Henrique Igreja teria ajudado a matar à facadas um jovem no último dia 15 de novembro, também na Avenida Coelho Neto, Bairro Nova Brasília. Ele ainda chegou a ser detido, prestou depoimento, mas foi liberado.

Na sexta-feira, 25, um estudante foi assassinado dentro do colégio onde estudava. O acusado “de ato infracional análogo a homicídio” foi apreendido. Ele é ex-aluno da Escola Estadual Francisco Walcy, local onde ocorreu a morte, e tem apenas 15 anos.

Compartilhamentos