Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

O vereador Richard Madureira (REDE), do município de Santana, disse que ele e mais dois vereadores chegaram atrasados, mas puderam participar do debate sobre a violência nas escolas da cidade na manhã desta sexta-feira, 18, na Câmara de Vereadores.

Segundo o parlamentar, ele e os vereadores Jailson Matos (PR) e Anderson Almeida (DEM) chegaram 40 minutos depois do início da audiência.

“Tive um compromisso em Macapá às 8h, mas logo em seguida fui à sessão que começou às 9h, e cheguei por volta das 9h40min”, comentou Madureira.

Ele disse que não tem fotos mostrando a presença dele e dos dois vereadores, mas que a presença dele teria sido registrada “nos anais da Casa”.

Na manhã desta sexta-feira, a audiência para discutir a violência nas escolas de Santana começou às 9h com a presença de apenas um vereador, o presidente da CVS, Zé Roberto, além de alunos e professores. No total, a cidade tem 13 vereadores. 

Compartilhamentos