Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Um bandido de apenas 18 anos foi morto numa troca de tiros com policiais do Batalhão de Rádio Patrulhamento Motorizado (BRPM) na madrugada desta quinta-feira, 1º, no Bairro do Araxá, Zona Sul de Macapá.

Os policiais tinham sido chamados para dar apoio a uma equipe do 1º Batalhão da PM que estava atendendo a uma ocorrência de furto em uma residência localizada na chamada “Invasão do Zeca Diabo”.

Os policiais fizeram um cerco na área. Três elementos que estavam em fuga se depararam com o bloqueio e dispararam contra as equipes que revidaram e atingiram um dos criminosos que tombou.

"Chavinho": vida de bandido desde a adolescência. Foto: Arquivo policial

“Chavinho”: vida de bandido desde a adolescência. Foto: Arquivo policial

Ele foi socorrido até o Hospital de Emergência (HE) de Macapá onde morreu em consequência dos ferimentos. O criminoso foi identificado como José Carlos de Almeida Balieiro, o “Chavinho”.

“Ele já era bem conhecido na área do 1º BPM desde a adolescência, principalmente pela prática de furtos e roubos. Já ia completar 19 anos e continuava na vida de crimes. Tinha uma ficha criminal como menor e outra como maior de idade”, comentou o coronel Paulo Matias, comandante do BRPM.

O revólver calibre 38 usado contra a guarnição foi apreendido depois do tiroteio. Em uma boca de fumo onde os criminosos costumavam se esconder, os PMs encontraram crack e uma arma caseira calibre 28.

O segundo comparsa, identificado como “Pança”, foi preso pelos PMs. O terceiro bandido, conhecido como “Louro”, foi detido pela população e entregue aos policiais.

Compartilhamentos