Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Durou apenas 30 minutos a cirurgia da menina de 3 anos que teve uma caneta enterrada no olho esquerdo num acidente doméstico ocorrido no início da manhã da terça-feira, 6, no município de Santana. A criança saiu da sala de cirurgia por volta das 16h15min desta quarta-feira, 7.

A cirurgia foi conduzida por dois médicos no Hospital de Clínicas Alberto Lima (Hcal), em Macapá. A equipe avalia que a menina não deve ter a visão afetada, mas pode haver outras sequelas.

“Ao que tudo indica a visão não será afetada. Não teve nenhum líquido vazado do globo ocular porque ele não foi perfurado. Na cirurgia não foi necessário abrir pela face, apenas pela pálpebra”, relatou o conselheiro tutelar Márcio Barreto, que acompanha o caso da menina desde às 18h da terça-feira.

O Conselho Tutelar foi acionado porque, mesmo com a caneta enterrada no olho, ela precisou aguardar sentada no corredor do Hospital de Emergência (HE) o dia inteiro, desde as 9h.

“Eu até pedi desculpas depois ao diretor, mas estamos brigando pelo direito de uma criança. Graças a Deus arrumaram um leito pra ela ontem a noite no Pronto Atendimento Infantil (PAI)”, comentou o conselheiro.

A criança receberá alta e poderá voltar para o Pronto Atendimento Infantil onde ainda deverá ficar internada por mais 4 dias, dependendo da evolução do tratamento.

Compartilhamentos