Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

Ao invés de priorizar as famosas marchinhas de carnaval como reza a tradição, há três anos um bloco de rua toca reggae nas terças-feiras gordas de carnaval pelas ruas de Macapá. Esse ano o “Ensaia, mas não sai” vai homenagear o “Chileno”, morador antigo do Bairro Central.

Juan Carlos Vasquez, de 62 anos, (foto acima) chegou ao Amapá em 1978, quando o estado ainda era território federal. Ele disse que na época em que saiu do Chile o país passava por problemas políticos. O apelido, ele conta,  veio por conta da nacionalidade.

Bloco existe há 3 anos

Bloco existe há 3 anos. Foto: Divulgação

Vasquez disse que saiu de seu país a procura de um lugar para viver. Passou por vários outros estados do Brasil antes de chegar ao Amapá. Decidiu ficar porque achou o lugar aconchegante e bom para se morar. Desde que parou por essas bandas, sempre morou no centro da cidade, onde casou com uma amapaense e teve quatro filhos dos quais se orgulha muito.

Bloco existe há três anos, levando diversão e irreverência pelas ruas do centro. Fotos: divulgação

Bloco existe há três anos, levando diversão e irreverência pelas ruas do centro. Fotos: divulgação

“Nessa época o meu país estava com problemas sociais e políticos, já que havia terminado a época do Pinochet. Não estou nem acreditando que serei homenageado. Sinto-me simplesmente lisonjeado”, explicou.

Ensaia mas não sai

O Bloco de rua ‘Ensaia mas, não sai’ está no seu terceiro ano de criação. Ele surgiu meio que por acaso, quando os músicos da banda de reggae ‘Mano Roots’ decidiram fazer uma brincadeira na terça-feira gorda.

“Nós estávamos sem fazer nada na terça feira e decidimos fazer uma brincadeira na frente de casa. No segundo ano decidimos torná-la mais séria, foi quando decidimos criar o bloco” explicou Marcos Martins um dos fundadores.

Bloco inicia as brincadeiras de carnaval neste sábado

Bloco inicia as brincadeiras de carnaval neste sábado

Para homenagear o Chileno, o bloco vai fazer um boneco gigante que acompanhará a outros dois que já existem que homenagem Bob Marley e Raul Seixas.

Ensaio Geral

O primeiro grito de carnaval do bloco será dado neste sábado, 14, a partir das 16h, na Avenida Padre Julio Maria Lombaerd, em frente ao restaurante No Trampo, próximo ao antigo Araras Center.

Compartilhamentos