Compartilhamentos

CÁSSIA LIMA

O vandalismo e o furto ainda são as principais preocupações da Secretaria de Cultura do Amapá (Secult) quando o assunto é o “Lugar Bonito”, como é conhecido o Parque do Forte, no entorno da Fortaleza de São de José de Macapá, no Centro. Muitos postes estão sem iluminação porque os cabos foram levados.

Atos de vandalismo e furtos destruíram sistema de iluminação da praça. Fotos: Cássia Lima

Atos de vandalismo e furtos destruíram sistema de iluminação da praça. Fotos: Cássia Lima

A informação foi dada pela empresa Fort Select, que faz a manutenção da iluminação da praça. Segundo o fiscal Mauro Cavalcante, é comum o furto de cabos, lâmpadas serem quebradas, e a destruição do sistema de ligação de energia que fica dentro do solo.

“Nosso maior problema aqui é o vandalismo. Os vândalos furtam e quebram tudo. Todo dia temos ocorrências disso aqui. A falta de iluminação a noite inibe o usuário de vir à praça e deixa os vândalos mais à vontade”, frisou Mauro Cavalcante.  

Lâmpadas de LED não tem cobre, material procurado por ladrões

Lâmpadas de LED não têm cobre, material procurado por ladrões

Secult pretende implantar policiamento específico no parque

Secult pretende implantar policiamento específico no parque

A empresa iniciou uma manutenção para a conservação do espaço que tem bancos quebrados e até lixeiras furtadas. Lâmpadas de LED que substituirão a iluminação atual, feita com lâmpadas amarelas, vai reduzir os furtos e os gastos com a manutenção, já que as novas lâmpadas têm 11 anos de vida útil e não têm cabos de cobre, principal alvo dos ladrões.

A tentar amenizar a situação, a Secult informou que vai solicitar um maior policiamento no local enquanto a licitação para uma sublocação de mão de obra ainda não está finalizada.

De ponto turístico a lugar inseguro. Parque passará por manutenção

De ponto turístico a lugar inseguro. Parque passará por manutenção

“Essa licitação vai criar um policiamento específico para a praça. Mas a priori já estamos dialogando com a PM para aumentar as rondas naquela área, principalmente pela noite. Esta semana vamos trocar as lâmpadas e esperamos que com a ajuda da PM, as pessoas voltem a usar o espaço”, ressaltou o secretário de Cultura, Carlos Matias.

Cabos de energia são furtados com frequência

Cabos de energia são furtados com frequência

Compartilhamentos