Compartilhamentos

GRAZIELA MIRANDA

A Companhia Super Nova realiza na próxima sexta-feira, 6, o espetáculo “Novo Amapá”. A peça teatral relata de maneira poética o naufrágio do barco ocorrido no dia 6 de janeiro de 1981, no rio Cajari, sul do Amapá. A embarcação seguia do município de Santana para Laranjal do Jari, e o acidente fez aproximadamente 400 vítimas.

De acordo com a diretora da peça, Marina Beckman, a proposta é homenagear todas as pessoas envolvidas com esse acidente, tanto as vítimas fatais, como os sobreviventes do naufrágio e as famílias dessas pessoas.

“O dia 6 de janeiro é como se fosse uma data de luto e dor para essas pessoas envolvidas com essa tragédia. Por isso, gostaríamos de homenageá-las através da nossa arte e do nosso trabalho. A nossa palavra de ordem é homenagem por todas essas lutas que essas pessoas travaram para sobreviver e continuar seguindo a vida depois dessa tragédia”, afirmou a diretora do espetáculo.

Marina Beckman, diretora do espetáculo:

Marina Beckman, diretora do espetáculo: homenagens por meio de linguagem poética. Fotos: Divulgação

Marina Beckman acrescentou que a peça pretende abordar o acontecimento de maneira poética.

“A gente não quer causar impacto e nem terrorismo, pois o nosso objetivo não é  mexer com as feridas das pessoas. Então a nossa abordagem será poética, para que os que não conhecem possam conhecer a história”, explicou.

A peça será produzida com base no texto “Triste Janeiro”, do ator e dramaturgo amapaense Joca Monteiro, que realizou pesquisa, escutou sobreviventes e cresceu ouvindo os pais dele contando sobre o fato.  O elenco é formado por Jhimmy Feiches, Valdi Ribeiro, Anderson Pantoja, Heluana Quintas, Márcia Fonseca, Joca Monteiro e Jezi Viana.

Ensaio

Ensaio da Companhia Super Nova

novo-amapa-espetaculo-teatral-6

Peça tem como base o texto “Triste Janeiro”, de Joca Monteiro

O Novo Amapá naufragou na noite do dia 6 de janeiro de 1981, no Rio Cajarí, próximo da fronteira do Amapá com o Pará. O barco saiu do município de Santana com destino a Laranjal do Jari. A tragédia é tida como o maior desastre fluvial brasileiro, pois resultou em mais de 300 vítimas fatais.

Serviço

Espetáculo “Novo Amapá”

Local: Teatro das Bacabeiras

Data: 6 de janeiro

Horário: 20h

Ingressos: R$ 10 (inteira) R$ 5 (meia)

Classificação: Livre

Compartilhamentos