Compartilhamentos

SELES NAFES

A amapaense Rosângela Santos, detida junto com o empresário Marcel Bitencourt, em Belém, vai responder por favorecimento pessoal no Juizado Especial Criminal de Macapá, informou o Ministério Público do Amapá neste domingo, 5. O crime tem pena de 6 meses a 1 ano de prisão.

Logo depois da prisão do empresário, no último sábado, 4, Rosângela Santos ligou de Belém para o portal SELESNAFES.COM negando que havia sido presa.

No entanto, a promotora de Investigações Criminais do MP, Andréa Guedes, informou que Rosângela só não permaneceu presa em flagrante no Pará porque ela precisa responder pelo crime em Macapá.

“Foi um flagrante. Mas, para evitar que ela ficasse em Belém esperando a audiência preliminar no juizado de lá, não foi formalizado o termo circunstanciado. Como já estava com passagem comprada para voltar a Macapá, ela vai sair de lá (Belém) intimada para comparecer aqui na capital com o delegado Celso Pacheco na próxima terça-feira, 7. Ela vai responder em Macapá porque foi aqui que o crime se iniciou”, explicou a promotora.

Promotora Andréa Guedes: crime iniciou em Macapá. Foto: Arquivo

Promotora Andréa Guedes: crime iniciou em Macapá. Foto: Arquivo

Condenado a 11 anos por fraude num contrato da empresa dele com a Assembleia Legislativa do Amapá no valor de quase R$ 400 mil, Marcel Bitencourt era o único que ainda não havia sido preso por ordem do Tribunal de Justiça do Amapá (Tjap). Estava foragido desde novembro.  Já estão presos o deputado Moisés Souza (PSC), o ex-deputado Edinho Duarte e outras duas pessoas.

Rosângela Santos e o empresário Marcel Bitencourt estavam hospedados no Hotel Grão Pará, no Centro Comercial de Belém, desde a última quinta-feira, 1º . De acordo com a Polícia Civil e o MP, Marcel estava escondido durante todo esse tempo no Pará, com a ajuda de Rosângela Santos.

“Ela vem dando essa cobertura desde Macapá, escondendo ele. Ela viajou de avião, ele de barco, e estavam planejando para que a fuga se concretizasse”, concluiu.

Procurada por SELESNAFES.COM, Rosângela Santos disse que só irá se pronunciar depois que conversar com seu advogado.

Foto do empresário tirada no dia da prisão em Belém, no último sábado, 4

Foto do empresário tirada no dia da prisão em Belém, no último sábado, 4. Foto: MP/Divulgação

Compartilhamentos