Compartilhamentos

CÁSSIA LIMA

Uma verdadeira força-tarefa com 100 homens foi montada pela Secretaria de Manutenção Urbanística de Macapá (Semur) para limpeza do Canal do Beirol, na zona sul da capital amapaense. O trabalho iniciou na manhã desta quinta-feira, 9, na Avenida Ataíde Teive, no Trem, e segue até a bacia de decantação do Bairro das Pedrinhas.

A meta da secretaria é fazer a ordenação, organização e manter limpo o canal que acumula hoje muito mato e lixo. A previsão é que o serviço seja concluído em até 40 dias.

Opração de limpeza contou com colaboração dos moradores de próximo do canal. Fotos: Cássia Lima

Operação de limpeza contou com colaboração dos moradores de próximo do canal. Fotos: Cássia Lima

“Essa é uma força-tarefa com várias secretarias e órgãos, inclusive com ajuda dos moradores. Nós vamos limpar, notificar e multar, se for o caso, aqueles moradores que jogam lixo no canal. Se for mantido limpo, esse serviço dura o ano todo”, frisou o secretário de Manutenção Urbanística, Claudiomar Rosa.

No serviço de limpeza, os servidores da prefeitura entram no canal e limpam manualmente com enxadas o matagal na beira do canal. Uma lancha de pequeno porte recebe o lixo e é içada para a terra, onde o material é colocado nos caminhões para serem despejados no aterro sanitário.

Se preservado o canal, limpeza dura o ano todo

Secretário de Manutenção Urbanística, Claudiomar Rosa: se preservado o canal, limpeza dura o ano todo

A meta da Semur é que aquelas pessoas que sujam a cidade, especialmente o canal, se conscientizem de que o lixo obstrui, além de proliferar doenças. Nesta manhã, a prefeitura retirou muito entulho do entorno do canal.

Retirada de entulho das ruas

Retirada de entulho das ruas

“Nós estamos divulgando os horários de lixo para a população. Estamos fazendo um trabalho educativo e divulgando o número de denúncias para repreendermos os sujões”, explicou o secretário.

O número de denúncias é o (96) 99147- 1050, o contato fica a disposição dos fiscais e também recebe informações pelo aplicativo Whatsapp. 

retirada de entulho das ruas (1)

Disque denúncia da Semur ajuda população a denunciar os sujões

Compartilhamentos