Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Uma equipe da Delegacia Especializada em Crimes Contra o Patrimônio (DECCP) do Amapá prendeu no início da manhã desta sexta-feira, 3, um homem que estava assustando vizinhos no Bairro Alvorada, zona oeste de Macapá. Os moradores chamaram a polícia porque constantemente estavam ouvindo tiros sendo disparados pelo morador.

Policiais da delegacia foram antes ao local fazer o levantamento de informações e constataram que os disparos estavam de fato ocorrendo. Os tiros eram de uma arma longa.

O delegado Wellington Ferraz conseguiu um mandado de busca e apreensão que foi cumprido por volta das 6h, na Rua Padre Luis Davi, numa espécie de chácara no fim do Bairro Alvorada.

 “Vizinhos estavam assustados sempre ouvindo esses disparos. Nós representamos pela busca e apreensão conseguimos encontrar a arma calibre 20 com mais 4 munições”, informou o delegado.

Arma calibre 20 foi encontrada na residência do acusado. Fotos: Olho de Boto

Arma calibre 20 foi encontrada na residência do acusado. Fotos: Olho de Boto

Ader Jofro Pereira de Souza, de 46 anos, natural de Imperatriz (MA), acabou sendo preso em flagrante. A polícia ainda está pesquisando se ele possui passagens anteriores por outros crimes.

Ele foi levado para o Ciosp do Pacoval e autuado com base no Artigo 12 do Estatuto do Desarmamento. A arma não tem registro e nem ele o porte necessário para usar.

“Não é policial e nem aquele é o local adequado para treinamento. A população ficou com medo e procurou a polícia. É uma área habitada e podia acertar uma criança, um pedestre”, observou o delegado.

Mandado foi cumprido numa chácara no fim do Bairro Alvorada

Mandado foi cumprido numa residência no fim do Bairro Alvorada

Compartilhamentos