Compartilhamentos

De Santana, FERNANDO SANTOS

Moradores do Bairro Fonte Nova, em Santana, município que fica a 17 km de Macapá, receberam a deputada Marcivânia Flexa (PCdoB) para discutir sobre a construção de um centro comunitário na região.

Os recursos, no valor de R$ 400 mil, foram destinados, com base em escolha, pela própria população, no processo de Emenda Participativa, mecanismo do mandato de Marcivânia que garante participação popular. O dinheiro já está disponível e a obra será executada pelo Governo do Estado, mas carece de doação de terreno, pertencente ao município de Santana.

“Tem dois terrenos e agora a população vai decidir qual terreno vai ser indicado para a construção do centro, que foi uma obra desejada desde lá do processo de Emenda Participava, mas que a gente precisa da indicação do terreno para garantir a tramitação adequada”, garantiu a deputada Marcivânia.

Deputada Marcivânia Flexa:

Deputada Marcivânia Flexa: dois terrenos estão disponíveis para construção do centro. Fotos: ascom Marviânia/divulgação

Líderes comunitários do bairro reuniram com o prefeito Ofirney Sadala (PSDC), que se comprometeu em contribuir, institucionalmente, com a doação do terreno.

“Nós já tivemos reunião com o prefeito e ele disse que vai doar as terras para o Estado executar e entregar para a comunidade. Estamos agora em assembleia geral para decidir direito a execução de tudo. É de grande importância o gesto da deputada Marcivânia que tem trazido emendas para o nosso bairro”, informou Felipe Santos, presidente da Associação de Moradores do Bairro Fonte Nova.

O Bairro Nova Brasília também será contemplado com a execução de emendas parlamentares, para a construção de um centro comunitário. O terreno na comunidade existe há vários anos, mas a estrutura física está inativa. Para a comunidade do Elesbão, R$ 450 mil foram destinados para construção de um Complexo Esportivo.

“Nós também fomos contemplados no processo de Emenda Participativa. Contamos agora com a ajuda da Prefeitura para doar a terra para o Estado”, informou Dimas Silva, vice-presidente da Associação de Moradores do Nova Brasília.

Centros Comunitários em Santana

A maioria dos centros comunitários, existentes no município de Santana, é desestruturada. Presidentes de bairros encontram dificuldades em desenvolver as atividades filantrópicas. Quase todos estão inativos, semelhante ao do Bairro Nova Brasília.

Compartilhamentos