Compartilhamentos

CÁSSIA LIMA

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amapá (Setap) iniciou nesta quarta-feira, 1, o cadastramento da meia-passagem estudantil. Diferentemente dos anos anteriores, o processo de cadastro em 2017 segue até o mês de novembro.

Nos anos anteriores, o cadastro ocorria no mês de março junto com o recadastro. A mudança ocorreu devido ao Termo de Ajustamento de Conduta assinado entre a Companhia de Transito e Transporte de Macapá (CTMac), o Ministério Público do Estado (MPE) e o Setap. A ideia é evitar as longas filas que sempre são formadas.

O cadastro é válido apenas para aqueles que ainda não possuem o benefício. O processo ocorre na sede do Setap, na Avenida Padre Júlio, entre as ruas Tiradentes e General Rondon, no Centro.

Sem filas no primeiro dia no prédio do Setap. Fotos: Cássia Lima

Sem filas no primeiro dia no prédio do Setap. Fotos: Cássia Lima

Para realizar o cadastro, é preciso apresentar originais e cópia da declaração escolar, no caso de estudantes, ou comprovante de matrícula, no caso de universitários. Além de RG ou Certidão de Nascimento e comprovante de residência.

Recadastro

O recadastro da meia-passagem ocorrerá do dia 6 de março a 28 de abril, em dois pontos da cidade. Os documentos necessários são declaração escolar, RG e comprovante de residência (cópia).  Além do formulário fornecido no posto de atendimento ou pelo site www.vtsetap.com.br.

Segunda-via

O Setap informa que, caso o aluno tenha perdido a carteira e deseje pedir uma segunda via, deve fazer um boletim de ocorrência da perda e levar junto com os demais documentos.  O aluno que teve o cartão retido pelo Setap por uso indevido deverá se deslocar até a sede do sindicato para fazer o resgate do documento, pagando uma taxa de R$ 41,25.

Compartilhamentos