Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Um suposto taxista foi preso na noite desta terça-feira, 14, por estar transportando drogas dentro do carro que alugava para rodar. Duas menores que também estavam no veículo foram apreendidas.

A prisão foi feita por uma equipe do 6º Batalhão da Polícia Militar na Rua General Rondon, no Bairro Central de Macapá. Os policiais desconfiaram de um táxi branco com duas jovens e o motorista, e decidiram dar ordem para que o motorista parasse. Ao invés disso, o condutor decidiu tentar fugir, mas rapidamente foi alcançado e forçado a parar.

Suposto taxista e duas menores que seriam parentes dele. fotos: Olho de Boto

Suposto taxista e duas menores que seriam parentes dele. fotos: Olho de Boto

Na revista ao veículo, os policiais encontraram mais de 500 gramas de maconha embalados em várias porções. De acordo com a PM, as menores sabiam o que o motorista estava transportando.

“Elas sabiam, inclusive são parentes dele”, informou o tenente Cézar, do 6º BPM.

Railon Marques Neto, de 28 anos, foi preso em flagrante e apresentado no Ciosp do Pacoval onde já tinha passagens por outros crimes. Segundo a Polícia Militar, o trio recebeu a droga na zona sul e estava levando para distribuição na zona norte da capital.

Policiais lembraram que tem sido bastante comum criminosos utilizarem táxis para não levantar suspeitas no trânsito.

“Eles têm usado os táxis para a prática dos diversos delitos, e a própria categoria aprova que a PM faça essas operações”, acrescentou o oficial.         

Táxi usado pelo criminoso

Táxi usado pelo criminoso era alugado

Mais de meio quilo de maconha para a zona norte

Mais de meio quilo de maconha para a zona norte

Outro fato comum, de acordo com a PM, é o criminoso trabalhar na companhia de menores para que estes assumam a autoria de alguns crimes em caso de flagrante pela polícia.

“O Estatuto da Criança e do Adolescente é bem mais brando com os menores”, justificou o tenente.

Compartilhamentos