Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Energia elétrica, assistência social, infraestrutura, educação, transporte e saúde foram alguns dos temas discutidos entre lideranças indígenas, o governador Waldez Góes (PDT) e equipe de governo durante encontro no Palácio do Setentrião nesta quarta-feira, 15. Durante a reunião, o governo detalhou o planejamento de investimentos nas aldeias.

Além das lideranças indígenas de aldeias ao longo da BR-156, vereadores e gestores do interior do Estado também participaram da discussão. Secretários explicaram o planejamento de ações em cada pasta e Waldez anunciou a retomada do Programa Luz Para Todos, após articulação do governo do Estado com o Ministério das Minas e Energia. 

“Serão R$ 150 milhões de investimento, sendo que 10% serão de contrapartida do Estado. A assinatura da retomada do programa será em abril. Comunidades como o Cassiporé e outras da região do Uaçá serão diretamente beneficiadas”, destacou o gestor.

Sesa garantiu o atendimento com odontológos e clínicos gerais

Sesa garantiu o atendimento com odontólogos e clínicos gerais. Foto: arquivo

Por enquanto, a energia nas aldeias continuará sendo gerada por combustível fornecido pela Secretaria de Estado da Inclusão e Mobilização Social (Sims)

“Cada comunidade tem sua cota de óleo. Estamos garantindo essa cota mensalmente, mas esbarramos em algumas dificuldades, como a falta de manutenção nos geradores, por exemplo, que não é de competência da Sims. Estamos buscando discutir junto com as prefeituras para que elas assumam esse serviço para que a população não seja prejudicada”, explicou a secretária Nazaré Farias.

Trecho norte da BR-156 será asfaltado por empresas contratadas pelo Dnit

Trecho norte da BR-156 será asfaltado por empresas contratadas pelo Dnit

O governo anunciou a construção da Casa de Apoio ao Índio, no município de Oiapoque; reformas nas escolas localizadas na região, além da retomada de ações de atendimento médico.

“A programação começa em abril. Essa ação de saúde contará com atendimento odontológico e oftalmológico, além de clínicos gerais. Esse trabalho também vai ter participação do Super Fácil, que vai atuar na emissão de documentos e da Sims que atuará na assistência social da população”, informou o titular da Sesa, Gastão Calandrini.

A situação da BR-156 também não ficou de fora. Os 112 quilômetros restante entre Calçoene e Oiapoque serão asfaltados por empresas contratadas pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit).

“As empresas já foram contratadas e resta agora a assinatura da Ordem de Serviço para a retomada dos trabalhos. O Ibama já concedeu o licenciamento ambiental da área. É uma notícia que beneficia toda a população, mais ainda, os habitantes das aldeias que se localizam neste trecho”, concluiu o governador.

 

Compartilhamentos