Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Um costume muito antigo e divertido da adolescência ficou perigoso em Macapá. Um vídeo mostra porque conversar na frente das escolas na entrada ou no horário de saída já virou situação de risco.

Na Escola Deusolina Sales Farias, no Bairro do Pacoval, em Macapá, os alunos não seguiram a orientação da PM e acabaram sendo assaltados.

As imagens mostram um grupo de alunos conversando normalmente no último dia 26, por volta das 16h30min. Subitamente, dois rapazes chegam de bicicleta armados com facas.

Eles rendem os alunos e depois fogem tranquilamente com dinheiro, celulares, relógios e outros objetos. A ação dura menos de 1 minuto.

O grupamento de Policiamento Escolar do 6º Batalhão da PM tem pedido nas escolas que os alunos evitem as aglomerações na frente das instituições nos horários de maior movimento, principalmente em certas regiões da capital.

“Infelizmente é isso que está ocorrendo, principalmente nas escolas que ficam próximas de áreas de baixadas. No caso do Deusolina Sales Farias, essa escola fica próxima da Ponte do Axé”, explicou o comandante do Policiamento Escolar, tenente Marcelo Morais.

A PM não conseguiu prender os bandidos que aparentavam ser menores de idade. 

Compartilhamentos