Compartilhamentos

coluna EM OFF, por SELES NAFES

Surpreendentemente, senadores da Comissão de Constituição e Justiça aprovaram a lei do fim do foro privilegiado. A votação não era esperada, mas foi incluída na pauta a pedido do relator do projeto, o senador Randolfe Rodrigues (REDE-AP). O projeto definitivo pode ser votado ainda nesta quarta-feira (26). Pela proposta, apenas os chefes dos Poderes permanecerão com a imunidade.  

Vicente Cruz será aproveitado em outro setor do governo

O presidente da Liga das Escolas de Samba, Vicente Cruz, acabou não assumindo a Secretaria de Cultura do Amapá como havia sido inicialmente acordado entre o deputado federal Roberto Góes e o governador Waldez Góes, ambos do PDT. Cruz deve ser aproveitado em outro setor do governo. Enquanto isso, ele segue costurando apoio para realizar o desfile das escolas de samba em setembro.

Lembrando que com uma recomposição política, Waldez decidiu entregar a Cultura de novo nas mãos do PMDB, leia-se Gilvam Borges.

O prefeito de Macapá, Clécio Luis (REDE), está em Brasília desde o início da semana. Com auxílio dos senadores Randolfe Rodrigues e Davi Alcolumbre, ele tenta destravar recursos do Calha Norte.

A Sefaz confirmou para a próxima quinta-feira (27) “ao longo do expediente bancário”, o pagamento da primeira parcela do salário de abril do funcionalismo. Os outros 40% restantes ficaram para o dia 10 de maio. 

Local onde a fábrica será construída no Distrito Industrial. Foto: Secom

No próximo dia 28, a Verçosa Indústria de Alimentos, de São Paulo, receberá a licença de instalação para operar com incentivos da Zona Franca Verde. Será durante reunião do Conselho Deliberativo da Suframa, que será realizada no Palácio do Setentrião.  

Compartilhamentos