Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Policiais militares prenderam no município de Santana, a 17 quilômetros de Macapá, um homem acusado de furtar equipamentos que transmitem sinal de internet na cidade de Calçoene, a 360 quilômetros da capital. O crime deixou os moradores sem o serviço desde o início da madrugada desta quarta-feira, 5.

A prisão ocorreu depois que uma moradora de Calçoene percebeu a movimentação suspeita de homens em uma torre. Ela decidiu anotar a placa do carro e avisou a PM.

Depois de uma pesquisa, os policiais descobriram que o endereço do proprietário do veículo ficava em Santana. Questionado pela PM, ele informou que havia vendido o carro para um homem que também mora no município de Santana e trabalha com telecomunicações.

Carro usado pelo acusado para realizar o furto foi identificado por uma moradora

Carro usado pelo acusado para realizar o furto foi identificado por uma moradora

Carro é rebocado após a prisão

Carro é rebocado após a prisão

Os policiais foram até a casa dele e encontraram os equipamentos furtados da torre. São painéis de repetição, usados normalmente por empresas provedoras de internet.

O nome do acusado não foi divulgado. Ele conduzido para a delegacia, mas será liberado por ser primário. Mesmo em liberdade, em responderá ao inquérito por furto.

A Polícia Civil vai investigar agora para quem os equipamentos seriam vendidos, já que apenas provedores de internet usam esse tipo de equipamento.

Os painéis furtados serão devolvidos a Você Telecom. Uma equipe da empresa está desde o início desta quarta-feira instalando novos equipamentos na torre para restabelecer o sinal em Calçoene.  

Compartilhamentos