Compartilhamentos

CÁSSIA LIMA

Ao todo, 536 alunos que pertencem à Rede de Associações das Escolas Famílias do Amapá (Raefap) serão beneficiados com R$ 4 milhões em investimentos nos próximos meses. O valor é referente ao Termo de Fomento assinado nesta segunda-feira, 24, no Palácio do Setentrião, pelo governador do Estado, Waldez Góes.

Os recursos são destinados para seis escolas localizadas em áreas rurais da capital e demais municípios. O dinheiro deve ser usado para a contratação de profissionais, materiais de consumo e manutenção de máquinas e equipamentos em suas sedes durante todo ano de 2017.

Alunos das escolas agrícolas prestigiaram cerimônia que anunciou novos investimentos. Fotos: Cássia Lima

“Nossa relação com as escolas tem que ser mais pontual e presente. Não podemos frustrar os alunos com problemas pequenos e pontuais e estamos empenhando o melhor recurso e estrutura para isso”, frisou o governador.

Segundo o diretor da Escola Família Agroextrativista do Carvão, Natal Reis, o recurso é fundamental para as escolas já que os alunos tomam café, almoçam e jantam nas instituições.

“Estávamos precisando muito da contratação de professores e cozinheiros, além do material de limpeza para a escola. Esse termo é mais uma garantia de ensino para nosso alunos”, destacou o diretor.

Natal Reis: escolas precisam pagar despesas

Em setembro do ano passado, o governo também assinou um Tempo de Fomento, que garantiu aporte financeiro no valor de R$ 624 mil para a rede de escolas famílias do Amapá. O aporte financeiro possibilitou a continuidade das atividades das instituições de ensino agrícola presentes nas localidades de Pacuí, Carvão, Maracá, Cedro, Macacoari e Perimetral Norte.

“Nós passamos por muitas dificuldades, mas o governo nunca nos desamparou. Nossos repasses estão em dia e agora tem esse fomento que vai beneficiar ainda mais muitas famílias e estudantes”, ressaltou o presidente da rede das escolas famílias, Adenilson Vilhena.

Atualmente, de acordo com estatísticas da Rede das Escolas Agrícolas, mais de 800 estudantes concluíram os estudos do segundo grau, a maioria atua em sua área de formação e busca voltar para ajudar na própria comunidade.

Secretária de Educação, Goreth Sousa, participa da assinatura do termo de investimentos

“Nós estamos muito felizes com essa assinatura para que as escolas possam atingir seus objetivos. Esse apoio é muito importante ainda mais agora que buscamos uma prestação de contas mensal com as escolas”, explicou a secretária de Educação, Goreth Sousa.

Compartilhamentos