Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Um rapaz de 18 anos foi morto a tiros no fim da noite desta segunda-feira, 17, em uma área de pontes do Bairro Jardim Marco Zero, na zona sul de Macapá. Segundo a PM, ele pode ter sido morto por um comparsa logo após um assalto que os dois teriam praticado momentos antes. 

O homicídio ocorreu por volta das 22h na Passarela da Avenida Ivaldo Veras. A vítima foi identificada como Moisés dos Santos Vilhena, o “Rodinha”, com passagens pela polícia por roubo.

Vítima foi morta com 6 tiros. Fotos: Olho de Boto

Vítima foi morta com 6 tiros. Fotos: Olho de Boto

Homicídio ocorreu na Passarela da Avenida Ivaldo Veras

Homicídio ocorreu na Passarela da Avenida Ivaldo Veras

Testemunhas informaram à Polícia Militar que viram uma motocicleta amarela com apenas um homem entrando na passarela. Rodinha estava sentado na frente de uma casa e foi surpreendido.

“A gente não tem suspeitos, porque ainda estamos verificando. Soubemos que ele estaria envolvido num roubo a uma lanchonete que ocorreu mais cedo. As características dos assaltantes batem com ele (Rodinha) e do assassino. (No assalto)…um estava com uma camisa vermelha com uma moto amarela, e o carona estava com uma camisa preta e bermuda jeans”, relatou o sargento Sarmento, do 1º Batalhão da PM.

Sargento PM Sarmento: características do infrator e da vítima são as mesmas dos assaltantes da lanchonete

Sargento PM Sarmento: características do infrator e da vítima são as mesmas dos assaltantes da lanchonete

Nenhum cartucho foi encontrado pela PM e Polícia Técnica do Amapá (Politec). A vítima morava na Avenida Terra, no Conjunto da Ego.

Peritos da Politec contaram seis tiros. Dois acertaram as costas, outros atingiram braço, mão e o rosto. Até o início da manhã desta terça-feira, 18, o acusado ainda não havia sido preso.

Compartilhamentos