Compartilhamentos

SELES NAFES

No fim da manhã, o prefeito Clécio Luis (REDE) soltou nota afirmando que nunca teve contato e nem autorizou ninguém a conversar com representantes da empreiteira Odebrecht sobre doações para sua campanha em 2012. 

“Ainda mais na condição em que disputei a eleição de 2012, como vereador de oposição e aparecendo em terceiro lugar nas pesquisas até a reta final”, ponderou.

Clécio Luis lembrou que Macapá não possui obras conduzidas pela Odebrecht e nem por sua subsidiárias, e que todas as contas da campanha de 2012 foram aprovadas.  

“O que estamos informados é que foi feita uma petição de mudança de foro com base em uma menção a meu nome. Não existe sequer investigação ou inquérito a esse respeito. Muito menos ação civil ou criminal”, afirmou.

O prefeito terminou a nota informando que já protocolou um pedido de informações ao STF sobre o caso “para tomar as providências necessárias contra quem tenha indevidamente mencionado meu nome em esquemas com que não compactuo e de que jamais participei”.

Compartilhamentos