Compartilhamentos

CÁSSIA LIMA

As comemorações do Ciclo do Marabaixo 2017 continuam neste sábado (20). Desta vez, a festividade ocorre na comunidade do Bairro do Laguinho, na casa do Mestre Pavão, a partir das 14h.

O local é escolhido porque tem a descendência direta do pioneiro do Marabaixo, Julião Ramos. Netos e parentes irão distribuir o tradicional caldo e a porta da casa ficará aberta até o domingo.

Festividade ocorre na casa de família de pioneiro do Marabaixo. Fotos: Márcia do Carmo

“Esse é um dos momentos mais esperados da comunidade marabaixeira. Estamos homenageando e louvando à Santíssima Trindade e Divino Espírito Santo. Nossa festa continua até amanhã e semana que vem tem mais”, destacou a Coordenadora do Ciclo, Valdinete Costa.

Rodadas de Marabaixo, refeições e a famosa distribuição de caldo e gengibirra, estão na programação do Ciclo. A festa realizada desde o início do povoamento de Macapá, remonta a formação da comunidade do Laguinho por Julião Ramos, que era avô de Mestre Pavão.

“Estamos fazendo essa festa linda e também honrando a palavra dada quando papai se despediu da família. Essa festa é pra Santíssima Trindade e Divino Espírito Santo, mas também pra ele”, frisou a filha do Mestre pavão, Mônica Ramos.

Festa na casa do Mestre Pavão é um dos momentos mais esperados da comunidade marabaixeira

A programação começou às 09h com o corte do Mastro, no Curiaú, sendo acompanhado pelas famílias tradicionais. No ritual são derrubados troncos de árvore nas matas, que são chamados de mastros. Posteriormente, eles são levados para casas de famílias tradicionais da comunidade.

O Marabaixo no Laguinho segue até o domingo (21). Confira abaixo a programação que continua até o dia 26.

21/05

10h – Ritual de buscar os mastros cantando e dançando nas ruas. Neste ano a casa onde o mastro ficará guardado é a da Naíra de Sena.

Itinerário: José Tupinambá/Jovino Dinoá//Jose Antônio Siqueira/casa da Naíra, ao lado do Rondônia/igreja Jesus de Nazaré/ Leopoldo Machado/Mãe Luzia/Jovino Dinoá/casa do Mestre Pavão.

12h – Almoço

De 17h à meia-noite – Marabaixo do Domingo do Mastro

24/05

De 16h às 07h– Marabaixo  da Murta do Divino Espírito Santo, até o amanhecer do dia  seguinte, quando o mastro é levantado.

25/05

19h – 1ª novena do Divino Espírito Santo

26/05

21h – 1º Baile dos Sócios do Divino Espírito Santo

Compartilhamentos